Musa da Bateria da Acadêmicos do Tatuapé, Gabi Miranda levou soco de uma passista por ser “branca”

Musa da Bateria da Acadêmicos do Tatuapé, Gabi Miranda levou soco de uma passista por ser “branca”

A modelo e atriz Gabi Miranda, Musa da Bateria da Acadêmicos do Tatuapé, sofreu preconceito por ser branca, não ser famosa e não fazer parte da comunidade de uma escola de samba.

Durante um ensaio técnico no sambódromo do Anhembi, em São Paulo, no Carnaval de 2015, a morena chegou a ser xingada de “branca” e foi agredida com um soco por uma passista. O presidente da escola de samba pela qual ela desfilou a defendeu no exato momento do ocorrido.

Foto: Divulgação rede social / MF Assessoria
Foto: Divulgação rede social / MF Assessoria

Entretenimento