Cantor Binho Ribeiro sofre racismo e grava ligações telefônicas para ir à Justiça

O cantor Binho Ribeiro denunciou em sua página no Facebook que está sofrendo racismo após colocar seu número de telefone na rede social. “Galera, muito triste ao ter que publicar isso, mas desde que ganhei alguns seguidores aqui na Fanpage e coloquei meu número à disposição para shows tenho recebido umas ligações de má fé, com xingamentos, atos de racismo e ameaças. Comunico a todos que o meu número continuará à disposição para aqueles que quiserem me contratar para shows e para eventos, mas infelizmente tive que tomar algumas medidas pesadas referente a isso. Algumas ligações foram captadas depois que isso virou rotina e já tomamos as medidas necessárias na Justiça pois não deixaremos essa situação impune”, escreveu ele no Facebook nesta sexta-feira, dia 4.

“Já passei por vários atos de racismo. Só que esse vinha acontecendo com frequência, um número confidencial me ligando sempre. E não era uma pessoa apenas, tinha outras e até do sexo feminino. Sempre passando trotes e zoando com minha raça. Nunca fui de ligar para o preconceito até sentir ele na pele. Daí então resolvi esperar as ligações e gravar uma para ter de prova e usar isso de exemplo para que tenhamos um basta e que não aconteça mais isso com outras pessoas. Pois imagina quantas pessoas não estão passando por isso nesse exato momento e em muitos casos isso acaba com agressão física. Mas o ponto principal que me fez ter a paciência de esperar uma ligação e gravar foi que junto ao racismo misturaram meu trabalho musical pois diziam que não me contratariam por eu ser negro, por não aceitar uma pessoa negra tocando. Ouvi que nego tem que tocar pagode pois nego tem que tocar na cadeia, no zoológico… Enfim, isso é lamentável”, desabafa o cantor.

bbb