Jovem Pan: Boris Johnson anuncia boicote diplomático aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

O Reino Unido é mais um país que não enviará representantes políticos aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim-2022, anunciou nesta quarta-feira, 8, o primeiro-ministro Boris Johnson, que se uniu ao boicote diplomático proposto pelos Estados Unidos ao alegar violações dos direitos humanos por parte da China – a Austrália também fez o mesmo movimento. “Como eu disse anteriormente, não apoiamos os boicotes esportivos, mas não há planos para que os ministros compareçam aos Jogos Olímpicos de Inverno”, afirmou no Parlamento.

Outra que não enviará representação diplomática para Pequim 2022 é a Nova Zelândia, que, no entanto, justificou sua decisão por razões de segurança sanitária devido à pandemia. Outros países, como a Alemanha e o Japão, deixaram no ar se seus governos se unirão ao boicote diplomático, enquanto a Rússia pediu para que esporte e política não sejam misturados. O boicote, vale lembrar, não afeta as disputas esportivas nem impede a participação dos atletas britânicos, americanos ou australianos. “Ninguém se importa se eles vêm ou não”, disse o porta-voz da diplomacia chinesa, Wang Wenbin, ao comentar o anúncio do boicote australiano. “Suas manobras políticas e pequenos truques não vão mudar em nada o sucesso dos Jogos Olímpicos”, acrescentou.

*Com informações da AFP

Conteúdo Jovem Pan News – Leia mais no link Read More