Jovem Pan: Com virada relâmpago, Atlético-MG vence o Bahia por 3 a 2 e conquista o Brasileirão após 50 anos

Em partida atrasada da 32 rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG conseguiu virada épica de 3 a 2  contra o Bahia e conquistou o bicampeonato do Brasileirão, 50 anos após o primeiro título. Faltando duas rodadas para o fim do Brasileirão, o Galo não consegue ser mais alcançado em pontos pelos adversários. A festa foi em uma Arena Fonte Nova lotada, com o Bahia abrindo 2 a 0 no início da segunda etapa. O primeiro tempo teve mais ação do Galo, porém as chances não foram revertidas em gols. Nos minutos finais, inclusive, Danilo Fernandes fez uma grande defesa para evitar gol de Nacho Fernandez. O Bahia voltou melhor para o segundo tempo e com mais garra conseguiu abrir o placar. Aos 17 minutos, em cobrança de escanteio, o zagueiro Luiz Otávio subiu mais do que a zaga atleticana e fez o primeiro. Aos 20, Gilberto se antecipou a marcação e empurrou cruzamento para as redes, ampliando o marcador.

Vendo o time fora de órbita, Cuca fez mudanças na equipe e teve resultados. Aos 26 minutos, o árbitro marcou pênalti para o Atlético. Hulk foi para a cobrança e converteu, diminuindo o placar. Um minuto depois, Keno empatou com um chutaço da entrada da área. Não demorou muito e o atacante fez mais um. Aos 32, ele acertou novo chute de longe e decretou a virada do Galo, dando a vitória e o título à equipe. O Atlético vai comemorar com sua torcida no próximo domingo, dia 5, quando enfrenta o RB Bragantino no Mineirão. Já o Bahia ainda luta pela permanência na Série A. Com 40 pontos, a equipe nordestina é a primeira na zona de rebaixamento e está dois pontos atrás do Athletico-PR. Também no domingo enfrenta o Fluminense, em casa.

No 50ª edição do Campeonato Brasileiro, o Galo conquista o bicampeonato

Das coincidências do futebol, o Atlético Mineiro tem uma emocionante para a temporada. No ano em que a taça do Campeonato Brasileiro comemora os 50 anos da primeira edição, o time mineiro conquista seu segundo título do torneio, tendo vencido o primeiro justamente em 1971, após 50 anos. Durante essas cinco décadas os torcedores do Atlético tiveram que aturar muita zoação dos rivais por ter sido vice em cinco oportunidades: 1977, 1980, 1999, 2012 e 2015. Em 2006 o time, inclusive, chegou a disputar a Série B do Brasileirão. A campanha de 2021 é de destaque. Em 36 rodadas, a equipe de Cuca venceu 25 jogos, empatou seis e perdeu cinco. Foram 60 gols marcados e 27 sofridos. Com 81 pontos conquistados, o Atlético pode chegar aos 87 e fazer a segunda melhor campanha da história dos pontos corridos com 20 clubes, ficando atrás do Flamengo de 2019 (90 pontos).

Conteúdo Jovem Pan News – Leia mais no link Read More